Minha querida Depressão: “Eu estou aqui pra te ajudar” #8

Quinta-feira. Dia 10 de Novembro de 2016. 20h00.

Receber apoio em uma fase dessa, é uma das melhores coisas que podem acontecer.

Esses dias, eu tive um surto que não tinha a muito tempo, e não havia me acontecido nada para que eu realmente tivesse esse surto. Me vi sem ninguém para desabafar. Não que isso seja um problema – já que na maioria das vezes eu prefiro ficar quieta no meu canto e sofrer sozinha – mas naquele momento eu precisava falar, nem que eu não obtivesse resposta.

Escolhi uma vitima no WhatsApp, sabendo que essa pessoa provavelmente não iria me julgar e que iria me dizer as coisas certas. Comecei a falar, a desabafar, a chorar, sem querer uma resposta se quer. Depois de dizer tudo o que eu estava sentindo – e até confessar que sou fraca (coisa que nunca imaginei dizer) – eu obtive a seguinte resposta:

“Amanda, o que quer que esteja acontecendo, melhor você não guardar pra ti. Vá e resolva. Sua saúde física e mental correm risco se guardar tudo.”.

Logo em seguida recebi:

“Estou aqui pra ajudar”.

Algumas pessoas tem o dom da palavra, e o dom de conseguir te deixar mais calma. Além do mais, receber demonstrações de afeto e ver que alguém se importa nesse momento com você, te faz se sentir melhor (mesmo você se sentindo a pior e mais fracassada pessoa nesse mundo).

Citei aqui uma situação que aconteceu e que me chamou a atenção, mas sei que várias pessoas que estão comigo também oferecem a mesma calma e tranquilidade que eu necessito nesses momentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s